Prefeitura de Itatiba

12/12/2019 - 04:25:12
top_noticias
Itatiba passa a ter abrigamento para mulheres vítimas de violência doméstica
Qui, 05 de Setembro de 2019 15:16
A Prefeitura de Itatiba, por meio da Secretaria de Ação Social, Trabalho e Renda, assinou uma parceria que passa a garantir abrigamento temporário para mulheres e seus filhos sob risco ou vítimas de violência doméstica.

Com a ação inédita na cidade, Itatiba avança na proteção às mulheres e entra para o seleto grupo de 4,6% de cidades paulistas que possuem abrigos temporários e sigilosos para mulheres e seus filhos. O levantamento é da Defensoria Pública de São Paulo. Com isso, Itatiba passa a ser junto de Campinas, as duas únicas cidades da Região Metropolitana de Campinas, a oferecer abrigamento para mulheres e crianças em local seguro, enquanto são tomadas as medidas policiais e judiciais.

O encaminhamento ao abrigo será determinado pela Delegacia de Polícia ou pelo Poder Judiciário, por meio de um Boletim de Ocorrência. O endereço do local é mantido em sigilo para proteção das vítimas. Lá, as mulheres e filhos possuem tudo que precisam, de forma gratuita, para moradia, além de berçários, oficinas e alimentação. Qualquer vítima pode procurar ajuda no Centro de Referência Especializado da Assistência Social (CREAS) da Prefeitura, que oferece toda a assistência social e psicológica.

"O serviço é muito importante por conta de que agora as mulheres passam a contar com um local onde podem se abrigar para se ausentarem da situação de violência eminente ou de risco de morte, frisamos que além de procurar a Delegacia onde ocorre o primeiro encaminhamento, as mulheres que se virem nessa situação de violência e desejarem auxilio também podem procurar o CREAS, informando o ocorrido, assim o Centro realizará todos os procedimentos e encaminhamentos necessários, fornecendo ajuda às vítimas bem como informações", comentou a Secretária de Ação Social, Trabalho e Renda, Natalina Alves.

As mulheres atendidas poderão ficar no abrigo pelo tempo necessário para o fim da ameaça ou pelo tempo que durar a decisão judicial. O recurso será usado para situações de risco iminente e violência.

"A violência doméstica contra mulheres é um assunto delicado e muitas vezes silencioso. Enquanto Poder Público, temos que tomar todas as medidas possíveis para apoiar e salvaguardar quem enfrenta uma situação dessa gravidade. Isso demonstra a preocupação do executivo com esse tema", comentou o Prefeito Douglas Augusto Pinheiro de Oliveira.

Em Itatiba, a Delegacia de Defesa da Mulher fica na R. Benedito da Silveira Franco, 156, Vila Santa Luzia. Já o CREAS fica na rua Campos Salles, nº 328 e atende no telefone (11) 4594-1717.

2019.09.05_abrigamento


banner_ods

botao_sedac

banner_ppi
banner_nfse

iptu_2019

taxa_licenca_2019

produtor_rural

banner_botao_cupom_fiscal
banner_atribuicao_aula
banner_aux_transporte
banner_catabugiganga
banner_programacao_melhor_idade
banner_parquimetro

banner_ouvidoria